terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Mulher que matou ex e gravou vídeo apanhava há 2 anos, diz defesa


    Reprodução
A defesa de Cláudia Aparecida Fernandes Nascimento, mulher que matou o ex-marido atropelado e gravou um vídeo em seguida, em Ituverava (SP), alega que sua cliente sofreu violência física e psicológica durante todo o relacionamento, de cerca de dois anos, e que vai entrar com pedido de liberdade no Tribunal de Justiça de São Paulo. As informações são do R7
"Ela [Cláudia] tinha certeza que naquele momento ele iria matá-la", conta a A advogada Daiane Cristina de Oliveira Valeriano, conta que Cláudia tinha certeza que iria ser morta pelo homem.
O atropelamento se deu após uma briga entre os dois, no sábado (28/12), em que a autora do crime teria sido ameaçada pelo ex, Adriano Joaquim Sampaio, que era usuário de drogas, revela a advogada.
O casal estava em uma fase de idas e vindas, mesmo com uma medida protetiva concedida pela Justiça em julho, para que ele não se aproximasse da mulher.
"Quando ele [Adriano] não estava sob efeito de drogas, era um bom marido. Ela é uma mulher muito guerreira, solidária, tinha a esperança de tirá-lo das drogas", conta a advogada.
A mulher será submetida a exames psicológicos para comprovar que ela estava emocionalmente abalada com a situação a qual fora submetida durante o relacionamento.
A expectativa é que a Justiça analise o fato de a Cláudia não ter passagens anteriores pela polícia e considere o contexto da violência doméstica para colocá-la em liberdade.
No vídeo, feito logo após atropelar Adriano, Cláudia disse: “Ele falou que eu não ia amanhecer viva. A gente pede socorro para a família e ninguém faz nada”.
Em seguida, ela confessa que matou o ex-marido: “Ele veio para me matar. Eu vou para a cadeia com honra e gloria”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

BILL GATES FAZ UM ALARMANTE PROGNÓSTICO SOBRE A PANDEMIA: “AINDA NÃO VIMOS O PIOR”

  O bilionário sustenta que a COVID-19 continua sendo uma ameaça para a sociedade e que a situação pode se agravar O fundador da empresa Mic...