quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Alepe mantém veto do governador em projeto que previa que presos pagassem por tornozeleiras

 

A Alepe manteve por 31 votos a 6 o veto do governador Paulo Câmara ao projeto que pretendia impor aos presos que tivessem condições financeiras pagarem o custo das tornozeleiras eletrônicas, nas prisões do Estado.

O polêmico projeto foi apresentado pelos deputados Gustavo Gouveia e Erick Lessa.

O governador Paulo Câmara viu inconstitucionalidade, acho que diz matéria.

Os 6 votos pela derrubada do veto foram de Álvaro Porto (PTB), Antônio Coelho (DEM), Clarissa Tercio (PSC), Priscila Krause (DEM), Romero Sales Filho (PTB) e Wanderson Florêncio (PSC).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

BILL GATES FAZ UM ALARMANTE PROGNÓSTICO SOBRE A PANDEMIA: “AINDA NÃO VIMOS O PIOR”

  O bilionário sustenta que a COVID-19 continua sendo uma ameaça para a sociedade e que a situação pode se agravar O fundador da empresa Mic...